Início / Bahia / Gongogi: Sapão deixa débito superior a R$ 5 milhões e tem contas rejeitadas pela 8ª vez

Gongogi: Sapão deixa débito superior a R$ 5 milhões e tem contas rejeitadas pela 8ª vez

O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) rejeitou, nesta quinta-feira (23), as contas da Prefeitura de Gongogi referentes ao exercício financeiro de 2016, sob a responsabilidade do ex-prefeito Altamirando Santos (PDT), o Sapão.

No parecer do Conselheiro Mário Negromonte, acompanhado pelos demais membros da corte, foi apontado que o ex-gestor não deixou saldo suficiente para cobrir as despesas com restos a pagar, o que gerou prejuízo de R$ 5.634.501,98 às contas públicas. O parecer também constatou o não pagamento de multa imputadas pelo TCM. O gestor foi multado em R$ 20 mil por irregularidades verificadas durante a análise técnica das contas e também de 30% dos seus subsídios anuais, pela não redução da despesa total com pessoal. Foi determinado o ressarcimento aos cofres municipais da quantia de R$ 253.354,85, com recursos pessoais, referentes a ausência de processos de pagamento (R$183.029,85), a realização de despesas com terceiros sem a identificação dos beneficiários (R$57.500,00) e a realização de despesas com publicidade sem comprovação do conteúdo (R$12.825,00). Em tempo, Sapão teve todas as 8 contas de sua gestão – 2009 a 2016 – reprovadas pelo TCM. (Ubatã Notícias)

Fonte: Ubaitaba.com

Sobre Saul Lima

Veja Também

Ubatã: Homem vai a óbito após passar mal em motel

Um morador de Ipiaú veio a óbito, na noite deste domingo (11), após passar mal …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *